Agricultor é feito refém durante assalto, mas polícia prende criminoso e salva vítima

11 Out 2018 Fonte: campomourao.cidadeportal.com.br Destaques
Agricultor é feito refém durante assalto, mas polícia prende criminoso e salva vítima

Agricultor é feito refém durante assalto, mas polícia prende criminoso e salva vítima (Foto: JOÃO SILVESTRIN )

Um produtor rural de 62 anos passou momentos de terror nas mãos de dois bandidos armados após ser feito refém durante um assalto por volta das 21 horas dessa quarta-feira (10) no momento em que chegava em sua residência, no município de Araruna. Mas graças a rápida ação da Polícia Militar de Campo Mourão a vítima foi salva sem ferimentos, seu veículo recuperado e um dos sequestradores presos.

O agricultor informou à polícia que foi rendido pelos criminosos no momento em que chegava a sua residência. Rapidamente os bandidos anunciaram o assalto e tomaram o veículo um Toyota Hilux SW4, fugindo com a vítima sentido a Campo Mourão.

A Polícia Militar de Campo Mourão foi acionada e fez um cerco na região, entre Campo Mourão e Araruna. Uma equipe da Rocam, que estava em deslocamento para atender a ocorrência se deparou com o suspeito no meio do caminho. Um dos ladrões chegou a efetuar um disparo de arma de fogo dentro do veículo, que atingiu o para brisas.

O motorista ao perceber a presença da polícia empreendeu fuga entrando em uma estrada rural. Como a terra estava muito molhada por conta das chuvas que caiu durante todo o dia, o veículo acabou atolando em uma plantação de soja, próximo ao hospital Santa Casa. Os bandidos acabaram fugindo para o meio da plantação.

Várias equipes da PM se mobilizaram nas buscas aos criminosos e após uma operação integrada entre polícias Civil e Militar, as equipes de força de segurança conseguiram encontrar um dos autores. O outro ladrão que estava com ele também já foi identificado, mas segue foragido até o momento.

Diante da situação, o criminoso recebeu voz de prisão, sendo encaminhado à delegacia de Polícia Civil de Campo Mourão para providências cabíveis. A operação contou com a participação de policiais da Rocam, Rotam, Patrulha Rural, RPA de Campo Mourão e Araruna e Grupo de Diligências Especiais (GDE), da Polícia Civil.