Black Friday 2017: prepare o seu site para as vendas de fim de ano

18 Out 2017 Fonte: OlharDigital Mundo Online
Blackfriday

Blackfriday

A Black Friday já se consolidou como uma das datas mais importantes do varejo nacional, especialmente no e-commerce. Em 2016, o faturamento das lojas online no Brasil chegou a R$ 1,9 bilhão, segundo o e-Bit, com alta de 17% em relação ao ano superior. E para a edição 2017, marcada para 24 de novembro, há uma previsão de renda ainda mais otimista: R$ 2,2 bilhões.

 

 

 

 

Os dados para este ano foram publicados em uma pesquisa do Google, que revelou também que quase sete em cada dez consumidores pretendem fazer compras no período. Ou seja, trata-se um volume que pode fazer a diferença na saúde financeira do seu negócio, mas que também deve impactar a sua estrutura de TI. Por isso, é importante começar a se preparar agora para não transformar oportunidade em pesadelo.

Fuja de um apagão na “Sexta-feira negra”

O mesmo estudo do Google demonstrou que o movimento na Black Friday chega a ser 15 vezes maior do que um dia comum no varejo online brasileiro. Por isso, é necessário reforçar a infraestrutura da sua loja para evitar uma sobrecarga de servidores, gerando lentidão e até mesmo queda do site. Segundo outro estudo do Google, o prejuízo por hora off-line era de mais de 1,5 milhão em consumo e de 300 mil acessos a menos em 2015.

Para evitar esse tipo de problema, é melhor começar desde já a analisar a estrutura do seu site. Um bom começo pode ser os servidores, que terão que lidar diretamente com o aumento de tráfego. Reúna-se com a equipe de TI da sua empresa, levante o número de acesso máximo que a página pode suportar e, se a margem for pequena demais, busque soluções para reforçar a sua infraestrutura urgentemente.

Outra boa saída, especialmente para pequenas e médias empresas, pode ser investir em soluções de nuvem. Afinal, a Black Friday, por mais gigantesca que seja, ainda é uma janela muito curta se comparada ao restante do ano. Por isso, soluções de Cloud podem ser indicadas por conta da flexibilidade, já que é possível contratá-las durante os momentos de maior demanda e desmontar a estrutura após a normalização do tráfego.

E se, mesmo investindo em infraestrutura, o site ficar lento ou cair? Nesse caso, é preciso lembrar da velha máxima: Tempo é dinheiro. Uma boa equipe de suporte pode ser essencial para recuperar a sua página antes do fim das promoções e evitar que os prejuízos sejam irreversíveis. Ou seja, enquanto busca por soluções de hardware e nuvem, certifique-se de que a empresa escolhida oferecerá atendimento de emergência confiável.

A Black Friday para a sua empresa já começou

Por entender que a preparação para Black Friday não pode ficar para as 23h59 de quinta-feira, a IBM Brasil lançou uma campanha em preparação para o período de vendas. Até o dia 30 de novembro, os clientes terão descontos especial na contratação de estruturas fixas e temporárias da empresa. Assim, o empreendedor garante não só a capacidade suficiente para as suas vendas como também consegue uma boa economia.

Na Black Friday da IBM, é possível encontrar ofertas de armazenamento e de servidores com até 18% de desconto. Ou seja, pode ser a saída ideal para quem está se preparando para uma expansão de negócios para além do período de vendas de fim de ano, visando a retomada da economia brasileira.

Já o empreendedor mais cauteloso, mesmo em um momento de euforia, pode encontrar soluções customizáveis nos serviços de nuvem. A IBM, em parceria com a VMware, oferece um ambiente de Cloud que se adequa à sua demanda e simplifica a sua gestão para que esse período de transição seja o mais suave possível. Afinal, todos nós sabemos que não é dá para interromper as suas atividades atuais só para pensar em Black Friday, não é mesmo?

Com a adoção de soluções em nuvem, a primeira vantagem é que o empreendedor pode pagar de acordo com a sua necessidade de uso: por hora ou por mês. Além disso, a IBM oferece servidores no Brasil, o que não só reduzirá as chances de problemas com latência, como também oferecerá todo o serviço em moeda local e já com impostos incluídos. Isso, novamente, sem contar os descontos até o dia 30 de novembro.

As ofertas de Black Friday da IBM abrangem ainda outros serviços, como soluções de resiliência e suporte inteligente para a sua equipe de TI. Ou seja, não há motivos para arriscar o sucesso da sua empresa nas vendas de fim de ano por causa problemas que podem ser evitados. E o melhor: sem colocar em risco a sua lucratividade.

Seja um case de sucesso

Com a preparação adequada e a queda nos custos operacionais, a sua atenção nesta Black Friday pode se voltar para o principal: oferecer descontos atrativos e aumentar sua base de clientes. O período, que marca o pontapé inicial das vendas de fim de ano, pode ser decisivo para que mais pessoas conheçam a sua marca pela agilidade e bom atendimento. Portanto, é melhor já arregaçar as mangas para que, no grande dia, só os preços caiam.