Exportações mato-grossenses crescem 3,5%

17 Jan 2020 Fonte: SÓ NOTÍCIAS Agricultura e Pecuária
Exportações mato-grossenses crescem 3,5%

Exportações mato-grossenses crescem 3,5%

Mato Grosso terminou 2019 com alta de 3,5% no valor de exportação em relação a 2018. Dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços mostram que as vendas mato-grossenses chegaram a U$ 17 bilhões e colocaram o estado na 6ª colocação do ranking nacional de exportadores, com 7,6% das vendas externas brasileiras. As importações também aumentaram em 25,8% e quase bateram a casa dos U$ 2 bilhões. Mesmo assim, o superávit da balança comercial também foi maior do que 2018: U$15 bilhões contra U$ 14,7 bilhões.

Apesar da redução no volume, a soja continua sendo, de longe, o principal produto de exportação mato-grossense, com 53% das vendas. A soja triturada teve redução de valor em 11%, em farelo de 21% e o óleo teve 16% a menos de vendas.

Por outro lado, o milho, o algodão e a carne tiveram aumentos significativos, o que segurou o saldo positivo da balança comercial. O milho cresceu 36% e representou 24% das vendas, sendo o segundo produto mais exportado. Na sequência aparecem o algodão com 9,4% (crescimento de 61%) e a carne, com 8,1% (aumento de 23%).

O mapa dos países compradores sofreu pouca modificação. As compras da China voltaram a cair, desta vez 4,8%, mas o país continua como principal destino dos produtos mato-grossenses, com 31% das compras.

O Vietnã, outro país comunista, aumentou as compras em 2,1% e assumiu a segunda colocação, com 5% da participação. O país do sudeste asiático passou o Irã, que reduziu as compras em 36% e caiu para o terceiro lugar, com 4,5% das compras. A Espanha (4,5%) e a Holanda (4,4%) fecham o top 5 dos clientes mato-grossenses.