Vereadora propõe que custo da prisão seja pago pelo condenado

16 Mai 2018 Destaques
Vereadora propõe que custo da prisão seja pago pelo condenado

Vereadora propõe que custo da prisão seja pago pelo condenado

Os gastos por apenado no país circulam em torno de R$ 40 mil por ano, enquanto um aluno universitário custa em média R$ 15 mil neste mesmo período, argumenta Carla Pimentel vereadora de Curitiba.

O preso deve indenizar o Estado “das despesas realizadas com a sua manutenção, mediante desconto da remuneração de seu trabalho”.

A desoneração do Estado e da população com os custos de cada presidiário é a certeza que o cidadão de bem não será vítima do sistema, diz a parlamentar.

Para ela, o objetivo é que o criminoso assuma o “real custo de seus atos”, diminuindo assim os gastos da União.