Bandido mais procurado do Paraná é preso no Maranhão

Foto: PCPR

O delegado-adjunto da 17ª Subdivisão Policial de Apucarana (17ª SDP), André Garcia, confirmou na manhã desta sexta-feira (10) a prisão do bandido mais procurado pela polícia, que seria um dos chefes do crime organizado no Paraná.

Ele foi preso na noite de quinta-feira (09), no interior do Maranhão. De acordo com o delegado, o criminoso de 36 anos tinha dois mandados de prisão expedidos contra ele.

“Trata-se de um indivíduo de muita expressão no crime organizado aqui da região Norte do Paraná. Havia contra ele dois mandados de prisão expedidos, tanto pela comarca de Londrina quanto pela comarca de Arapongas, e já havia alguns anos ele estava foragido”, disse.

Ainda, segundo o delegado, a prisão só foi possível por conta da troca de informações entre as polícias civis de três estados.

“Diversas delegacias aqui do Paraná estiveram empenhadas na captura, mas ele deixou o Estado e depois nós tomamos conhecimento de que ele estaria fugindo de um estado para o outro evitando a sua captura. Essa prisão só foi efetivada por causa desse compartilhamento de dados entre as polícias civis do Paraná, do Pará e do Maranhão”, salienta.

O criminoso já morou em Apucarana, onde possui familiares, e já foi preso em 2010 após roubar uma caminhonete em Apucarana e, durante a fuga, trocar tiros com a Polícia Militar (PM) na área rural de Bom Sucesso. Na época, ele foi baleado pela polícia, sendo atingido por dois tiros e encaminhado ao Hospital da Providência.

“Ele já passou por Apucarana, inclusive tem família na cidade. Nós sabemos que ele tem pessoas muito próximas a ele, que residem aqui em Apucarana, inclusive a investigação surgiu a partir da observação dessas pessoas, vigilância de campo, através dos nossos agentes aqui setor de homicídios de Apucarana, trocando informações com a delegacia de Ortigueira”, afirma.

A ficha criminal do preso também é extensa. Ele responde por crimes de vários tipos.

“É um indivíduo que já respondeu a inquéritos e ações penais pelos crimes de tráfico de drogas, homicídio qualificado, furto qualificado, receptação, falsificação de documento público, enfim, uma gama muito grande de delitos”, conta o delegado.

O criminoso foi encaminhado ao Complexo Penitenciário São Luís, anteriormente chamado de Penitenciária de Pedrinhas, na capital do Maranhão.

De acordo com André Garcia, a prisão é um grande desfalque para o crime organizado.

“Representa um duro golpe contra o crime organizado aqui da região Norte do Paraná, especialmente na cidade de Londrina, onde temos informações de que ele liderava uma organização criminosa que comanda o tráfico de drogas nesta cidade, e na região de Ortigueira e Telêmaco Borba, onde ele responde inquérito policial por roubo de caminhões, roubo a cargas, sequestros de caminhoneiros”, finaliza.

Por TN Online 

Compartilhe

Posts Relacionados