Tecnologia e novidades para produção leiteira estão no foco do Agroleite

Até 20 de agosto, os olhos da produção leiteira estarão voltados para o Agroleite 2022

 Até 20 de agosto, os olhos da produção leiteira estarão voltados para o Agroleite 2022. Realizado em Castro no Paraná, cidade considerada a capital nacional do leite, o evento reúne tudo que há de novidade para o setor e também coloca em pauta, debates importantes para os produtores.

“O Paraná é feliz nesse momento por ter atraído mega investimentos, duas grandiosas fábricas de queijos, por exemplo, em instalação, o aproveitamento do soro para derivados, indústrias processando leite pra manteiga, pra exportação, enfim tudo ocorre, tudo auxilia nessa visão de fortalecimento da cadeia”, diz Norberto Ortigara, secretário de agricultura do Paraná.

VEJA O VÍDEO:

A espera pela retomada do evento era grande por todo setor produtivo, afinal o Agroleite é considerado uma grande vitrine de tecnologia da produção leiteira.

“Todos os players da cadeia do leite, todos os empresários, os produtores, o pessoal que trabalha com nutrição, com genética, estavam precisando de um momento, de um evento desses pra poder compartilhar as suas soluções, os seus negócios, os seus serviços com os clientes, que são os produtores,  então, tinha uma ansiedade represada e nós esperamos que com esse evento a gente consiga solucionar isso”, disse Willem Berend Bouwman, presidente da Castrolanda.

Esta é a 22° edição do Agroleite, que neste ano tem como tema:  “reencontros”, justamente por conta da ausência presencial por dois anos por conta da pandemia. O evento terá um destaque ainda maior para as tecnologias da pecuária leiteira. Centenas de expositores estão no evento apresentando novidades para o setor.

“Nós temos quase trezentas empresas que estão trazendo novas tecnologias, tudo presencial, tudo de novo. Na área de genética, na área de nutrição, na área de equipamentos também, máquinas, nós estamos com um parque com novas empresas participando, todos os estandes que você percorre, eles estão realmente assim, repletos de novidades. Além das tecnologias eu até falo os  brinquedinhos dos produtores que são os drones, né? Que são a grande sensação assim do Agroleite nesse ano”, detalha Leila Dione, gerente do Agroleite.

Todas essas novidades geram muitas expectativas para os produtores de leite que querem investir na propriedade e se atualizar cada vez mais com as tecnologias a serem utilizadas da porteira pra dentro.

“É uma exposição bastante técnica pra o produtor, tem o julgamento dos animais junto e que faz parte também dum evento desse aí, tem torneio leiteiro mas o o que a gente vê lá o produtor ele tem que se atualizar. Então ele tem que ver o que que existe no mercado de novidade, o que que serve na na propriedade, o que que ele pode usar, porque cada vez a mão de obra também fica mais difícil, então tem maquinários, tem implementos aqui automação, robotizado. Então eu acho que isso é muito importante pro produtor, se ele quer permanecer, ele tem que ir atrás de informações”, disse Hans Groenwold, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (ABCBRH).

(Débora Damasceno/Sou Agro com imagens e entrevistas cedidas Terra Viva)

 

 

Compartilhe

Posts Relacionados